Mil e Uma X15: BOÉCIO OU BEÓCIO? NÃO VALE ERRAR POR POUCO…

 Boécio foi um filósofo cristão que viveu nas primeiras décadas dos anos 500. Serviu a diversos papas, e teve participação política intensa no reinado de Teodorico, o Grande. Fofocas palacianas levaram-no à prisão, à condenação à morte e à efetiva execução. Escreveu obras notáveis, como A Consolação da Filosofia, em que defendeu que a fonte da felicidade humana é a busca da sabedoria. Desde o século XIII, o papa Leão XIII aprovou o culto a Boécio, mas, efetivamente, ele se tornou santo tanto na igreja Cristã quanto na Ortodoxa, em 1883.

A Beócia é uma região da Grécia Antiga, que existe ainda hoje como unidade regional. Os habitantes de Atenas, região especialmente culta, achavam os beócios incultos, grosseiros e mal educados; de tal visão, resultou uma conotação, possivelmente preconceituosa, para o termo beócio.

Boécio ou beócio? Opressor ou oprimido? Escolher nem sempre é errar por pouco. No chão dos valores fundamentais, a integridade exige: ou se é do time do Boécio, ou se é beócio.

                                            *******

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *